O papel das mulheres na utopia: Herland, de Charlotte Perkins Gilman, e El país de las mujeres, de Gioconda Belli

Luísa Bérgami Fernandes, Silvia Amancio de Oliveira, Ana Cláudia Romano Ribeiro

Resumo


Pretendemos, a partir da leitura da Utopia, de Thomas More (1516), traçar um paralelo entre a figura feminina encontrada em duas sociedades tidas como matriarcais: Herland, A terra das mulheres, da estadunidense Charlotte Perkins Gilman (1915), e El país de las mujeres, da nicaraguense Gioconda Belli (2010). Levando-se em conta o contexto histórico e social que caracteriza o século XX e o século XXI, buscaremos examinar a representação literária dos temas da participação das mulheres no cenário político, no mundo do trabalho, na maternidade, entre outros aspectos. Nossa proposta é responder à pergunta: afinal, qual é o lugar designado às mulheres em uma sociedade ideal?


Texto completo:

PDF

Referências


BELLI, Gioconda. El país de las mujeres. Bogotá: Grupo Editorial Norma, 2010.

BELLI, Gioconda. O país das mulheres. São Paulo: Verus, 2011.

FIRESTONE, Shulamith. A dialética do sexo: um estudo da revolução feminista. Rio de Janeiro: Labor do Brasil, 1976.

GILMAN, Charlotte Perkins. Herland. The Forerunner: A Monthly Magazine, 1915.

GILMAN, Charlotte Perkins. Herland, A terra das mulheres. Rio de Janeiro: Livraria Francisco Alves Editora, 1981.

LOPES, Bruna Bechlin Queiroz. El país de las mujeres de Gioconda Belli: Um romance feminista?. Dissertação (Mestrado em Estudos Literário) – Faculdade de Letras, Universidade de Coimbra, 2016.

MACHADO, Cecilia; NETO, Valdemar Pinho. The labor market consequences of maternity leave policies: Evidence from Brazil. Estudo. Escola de Pós-Graduação em Economia – Fundação Getulio Vargas (EPGE-FGV), 2016. Disponível em: . Acesso em: 16 jan. 2018.

MORE, Thomas. Utopia. George M. Logan e Robert M. Adams (Org.). Edição revista e ampliada. Tradução Jefferson L. Camargo e Marcelo B. Cipolla. São Paulo: Martins Fontes, 2009.

MORE, Thomas. Utopia. In: Surtz, Edward S.J.; Hexter, J. H. (ed.). The Complete Works of St. Thomas More. New Haven and London: Yale University Press, 1965. v. 4.

OLIVEIRA, Amanda da Silva. “A escrita feminina latino-americana contemporânea: El país de las mujeres, de Gioconda Belli, e a feminização política”. Revista Mulheres e Literatura, v. 19, 2017.

PRÉVOST, André. “A utopia: o gênero literário”. Morus, Utopia e Renascimento, n. 10, 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.