Comunismo cru

Lucas Parreira Álvares

Resumo


O presente artigo busca inicialmente propor uma tradução não convencional para o termo rohe kommunismus que frequentemente foi traduzido por “rude”, “grosseiro” ou “vulgar”. A partir dessa nova tradução proposta, investigaremos o que distingue o comunismo de Marx do comunismo dos expoentes assim chamados críticos-utópicos. Por fim, através de um diálogo tendo como referência as formulações do historiador londrino Gregory Claeys, debateremos sobre a compreensão da existência – ou não – de uma matriz utópica no pensamento de Marx.


Texto completo:

PDF

Referências


ÁLVARES, Lucas Parreira. Críticas ao artigo “Marx na Floresta” de Jean Tible/Debate Margem à Esquerda. In: Blog da Boitempo. 04/12/2017. Disponível em: https://blogdaboitempo.com.br/2017/12/04/criticas-ao-artigo-marx-na-floresta-de-jean-tible-debate-margem-esquerda/

ÁLVARES, Lucas Parreira. Flechas e Martelos: Marx e Engels como leitores de Lewis Morgan. Belo Horizonte: Dissertação de Mestrado, Faculdade de Direito e Ciências do Estado da UFMG, 2019a, 229 p.

ÁLVARES, Lucas Parreira. Lutas de Classes na Rússia, de Karl Marx e Friedrich Engels. InSURgência: revista de direitos e movimentos sociais. Brasília: IPDMS; PPGDH/UnB; Lumen Juris, vol. 1, n. 2, julho-dezembro de 2015, p. 569-575.

ÁLVARES, Lucas Parreira. Romantismo ou Regeneração? Marx e as comunas rurais da Rússia. In: Verinotio: revista on-line de filosofia e ciências humanas. Belo Horizonte, 2019b, no prelo.

BERRIEL, Carlos E. O. Marx: a utopia como ética da revolução. In: Revista Morus: utopia e renascimento. Campinas: 2017, n.12, p. 47-56.

BERRIEL, Carlos E. O. Orelha. In: MARX, Karl. Escritos Ficcionais. (Tradução: Tércio Redondo, Cláudio Cardinali e Flávio Aguiar) São Paulo: Boitempo Editorial, 2018, s/ p.

CARR, E. H. Karl Marx: A Study in Fanaticism. J. M. Dent & Sons, 1934.

CHASIN, José. A determinação ontonegativa da politicidade. In: Verinotio: revista on-line de filosofia e ciências humanas. Belo Horizonte: n. 15, Ano VIII, abr./2013

CLAEYS, Gregory. Utopia: a história de uma ideia. Trad. Pedro Barros. São Paulo: Edições SESC SP, 2013. 224 p. il.

CLAEYS, Gregory. Utopia, Marx, Revolução. In: Revista Morus: utopia e renascimento. Campinas: 2017, n.12, p. 13-30.

GALLO, Ivone. Utopia e Socialismo. In: Revista Morus: utopia e renascimento. Campinas, 2009, n.6, p. 245-253.

LOWY, Michael; SAYRE, Robert. Revolta e Melancolia: o romantismo na contracorrente da modernidade (Tradução: Nair Fonseca). São Paulo: Boitempo Editorial, 2015, 287p.

LUKÁCS, György. Ontologia do ser social: os princípios ontológicos fundamentais de Marx. (Tradução Carlos Nelson Coutinho). São Paulo/SP: Livraria Editora Ciências Humanas LTDA, 1979.

MARX, Karl. A guerra civil na França. (Tradução: Rubens Enderle) São Paulo: Boitempo editoria, 2011, 268 p.

MARX, Karl. Cadernos de Paris & Manuscritos Econômicos Filosóficos de 1844 (Tradução: José Paulo Netto e Maria Antónia Pacheco). São Paulo: Expressão Popular, 2015, p. 181-236.

MARX, Karl. Crítica do programa de Gotha. (Tradução: Rubens Enderle). São Paulo: Boitempo Editorial, 2012, 140 p.

MARX, Karl. Excertos do livro de James Mill “Éléments d’économie politique” (Tradução: Luiz Philipe de Caux) In: Cadernos de Filosofia Alemã. 2016, v. 21; n. 1 ; p. 147-161.

MARX, Karl. Manuscritos Econômicos-Filosóficos (Tradução: Jesus Ranieri). São Paulo: Boitempo Editorial, 2004, 190 p.

MARX, Karl. Manuscritos Económicos y Filosóficos de 1844 (Tradução: Juan R. Fajardo). Biblioteca Virtual Espartaco: 2001.

MARX, Karl. O Capital: crítica da economia política. Livro I: o processo de produção do capital (Tradução: Rubens Enderle) - Versão E-book. São Paulo, Boitempo Editorial, 2013, 894 p.

MARX, Karl. Sobre a questão judaica (Tradução: Nélio Schneider). São Paulo: Boitempo Editorial, 2010, 139 p.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A Sagrada Família. Tradução: Marcelo Backes. São Paulo: Boitempo, 2003, 286 p.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. Lutas de Classes na Rússia. (Tradução: Nélio Schneider) São Paulo: Boitempo, 2013b. 164 p.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A Ideologia Alemã: crítica da mais recente filosofia alemã em seus representantes Feurbach, B. Bauer e Stirmer, e do socialismo alemão em seus diferentes profetas. (Tradução: Rubens Enderle, Nélio Schneider e Luciano Cavini Mortorano) São Paulo: Boitempo, 2007, 614 p.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. Manifesto Comunista. (Tradução: Álvaro Pina e Ivana Jinkings) São Paulo: Boitempo, 2010, 271 p.

MORRIS, William. Notícias de Lugar Nenhum: ou uma época de tranquilidade – um romance utópico. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2002, 318 p.

MORRIS; William. Prefácio da Utopia de Thomas Morus (Tradução de Lucas Parreira Álvares). In: Revice - Revista de Ciências do Estado, Belo Horizonte, v.2, n.1, p. 478-483, jan./jul. 2017. Título original: “Foreword to Thomas More’s Utopia”.

SARTORI, Vitor Bartoletti. Direito, Política e Reconhecimento: apontamentos sobre Karl Marx e a crítica ao Direito. In: Revista da Faculdade de Direito – UFPR, Curitiba, vol. 61, n. 2, maio/ago. 2016, p. 203 – 233.

SARTORI, Vitor Bartoletti. Trabalho, Riqueza e Natureza Humana: Marx e a crítica ao modo de produção capitalista. In: Sapere aude – Belo Horizonte, v. 9 – n. 18, p. 79-103, jul./Dez. 2018

WITEZE JR. Geraldo. O velho barbudo e suas palavras esquecidas: Marx, marxismo e utopia. In: Revista Morus: utopia e renascimento. Campinas: 2010, n.7, p. 197-242.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.